A PALAVRA DA SEMANA

 

Dom Romanós Daoud

 

4/10/2014

A IGREJA: A VERDADEIRA VIDEIRA

(Pimeira Parte)

 

A Igreja, dentro da tradição eclesiástica, é simbolizada em três principais imagens, as quais explicam a maneira de sua existência e de seu ministério sagrado:

 

     1) O corpo de Cristo.

     2) A barca.

     3) A videira e os ramos.

 

1) A Igreja é o Corpo de Cristo. Esta imagem emana da experiência do Apóstolo Paulo e tem dois conceitos fundamentais:

 

O primeiro conceito reflete a unidade dos membros da Igreja num só corpo, onde cada um está intimamente ligado ao outro e participa dos sentimentos de seu irmão, se entristece por sua dor e regozija-se por sua alegria.

 

 

 

 

Quando o apóstolo Paulo ia para a Damasco perseguir os cristãos, ouviu a voz de Cristo dizendo: “Saulo, Saulo por que me persegues?”. Jesus não perguntou “por que persegue os cristãos?”, mas “por que me persegues?” unindo a si mesmo os cristãos. A partir disso, o apóstolo Paulo entendeu exatamente que Cristo e os cristãos são um corpo (os membros), e percebeu que a cabeça é Jesus e os discípulos são o corpo. Quando se atacasse o corpo, atingiria-se, também, a cabeça.  

 

 

O segundo conceito esclarece a divisão dos talentos e a diversidade de seus ministérIos. Em um corpo existem muitos membros com várias funções, e eles funcionam de maneira que cada um precisa da presença do outro para que organizem harmoniosamente a vida do corpo inteiro. E nenhum membro é sem importância. Esta imagem da Igreja como corpo de Jesus destaca a diversidade na unidade. 

 

(continua na próxima semana)

  • Catedral Ortodoxa Antioquina
  • Catedral Metropolitana Ortodoxa – SP – BR

Rua Vergueiro, 1515, Paraíso, CEP: 04101-000 - São Paulo / Brasil

Tronco Chave : + 55 (11) 5907-8610   ***   E-mail: catedralortodoxa@uol.com.br

© Copyright 2020 IGREJA ORTODOXA ANTIOQUINA - BRASIL

All Rights Reserved * Web Design by Catedral Ortodoxa - IT Manager